Perfil - J. R. R. Tolkien

8:54:00 AM

Sir John Ronald Reuel Tolkien, conhecido como J. R. R. Tolkien, nasceu em Bloemfontein, na África do Sul, em 3 de Janeiro de 1892. Foi um premiado escritor, professor universitário e filólogo. Radicado no Reino Unido, ele recebeu o título de doutor em Letras e Filologia pela Universidade de Liège e Dublin, em1954. É o escritor das famosas obras "O Hobbit" e "O Senhor dos Anéis" e um profundo estudante do inglês antigo.


Aos três anos de idade Tolkien passou a viver na Inglaterra, terra natal de seus pais. Desde pequeno fascinado pela linguística, cursou a faculdade de Letras em Exeter. Participou ativamente daPrimeira Guerra Mundial, onde começou a escrever os primeiros rascunhos do que se tornaria o seu "mundo secundário", complexo e cheio de vida, denominado Arda, palco das mundialmente famosas obras “O Hobbit”, “O Senhor dos Anéis” e “O Silmarillion”, esta última, sua maior paixão, que, postumamente publicada, é considerada sua principal obra, embora não a mais famosa.

Tolkien tornou-se filólogo e professor universitário, lecionando anglo-saxão na Universidade de Oxford e considerado por muitos um especialista no assunto.

Católico convicto, Tolkien foi amigo íntimo de C.S. Lewis, autor de “As Crônicas de Nárnia”, ambos membros do grupo de literatura The Inklings. Juntos planejaram, na década de 1940, escrever um livro sobre a língua, que seria publicado na década seguinte. O livro, que se chamaria "Linguagem e Natureza Humana", no entanto, nunca chegou a ser publicado.


A maior criação de Tolkien e seu legado foram suas obras. Todas se passavam no mesmo mundo, uma terra mitológica que ele batizou de Terra-média. Um mundo povoado por criaturas, como elfos, anões, magos, orcs, trolls, e outras criaturas fascinantes. A Terra Média foi elaborada nos mínimos detalhes, para que pudesse se assemelhar com o mundo real, por isso ela tem sua própria história, seus costumes, flora e fauna. 
Hoje, Tolkien é aclamado por ter criado a mais incrível obra de fantasia jamais escrita. Nos anos 60 o movimento hippie da contra-cultura americana e européia o considerava um “líder espiritual”, devido ao caráter naturalista de seus livros. Numa votação promovida pelo Channel 4/Waterstone´s, Folio Society e a SFX em 1997, recebeu o título de Escritor do Século 20 e suas obras como as "Escolhidas do Século 20". 

Não se sabe ao certo a origem do nome "Tolkien", porém acredita-se que seja alemão. O pai de Tolkien, Arthur era bancário na Inglaterra, mas em 1880 foi para África do Sul a trabalho com a esposa, Mabel Suffield. Mas sua passagem pela África foi breve, pois em 15 de Fevereiro de 1896, o pai de Tolkien  morre. Nesta data, Tolkien e a mãe estavam em férias na Inglaterra e acabaram não voltando à África e se estabelecendo em Midlands (zonas rurais inglesas). Em 14 de Novembro de 1904, sua mãe morre de diabetes (doença incurável na época). O padre Francis Morgan assumiu a guarda dele e do irmão assegurando-lhes segurança tanto material quanto espiritual, embora ambos ainda vivessem com sua tia Beatrice Suffield e posteriormente com a Sra. Faulkner. Nesta época, Tolkien começou a demonstrar seu dons lingüísticos, dominando o Latim e o Grego, considerados "selo de qualidade" e também estava estudando as línguas modernas e antigas, assimilando-as com grande facilidade.


Você também vai gostar de...

0 comments

Deixe aqui seu comentário e, se quiser, assine nosso Feed para receber as publicações do "The Reader" em seu e-mail.